Mercado

Produção de motocicletas: expectativa de crescimento de 6% em 2020

A curva positiva apresentada durante 2019 deve se repetir no próximo ano.

 

A Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo revisou as projeções para 2019. Esta é a segunda vez que a entidade atualiza suas expectativas, graças à retomada do setor.

A curva de crescimento apresentada durante todo o ano de 2019 deve se repetir no próximo ano. De acordo com as estimativas apresentadas pela Abraciclo, a produção em 2020 deverá alcançar 1.175.000 motocicletas, correspondendo a uma alta de 6,3% ante as 1.105.000 unidades projetadas para este ano.

A nova estimativa para produção total de 2019 é de 1.105.000 unidades, correspondendo a uma alta de 6,6% na comparação com o volume produzido em 2018 (1.036.788 unidades). A projeção anterior, apresentada em abril, apontava 1.100.000 unidades para o presente ano.

Também foram revistos para cima os volumes de vendas no atacado e no varejo. No atacado a nova expectativa é de aumento de 11,8%, saltando das 957.764 motocicletas repassadas das fábricas para as concessionárias em 2018 para 1.071.000 unidades até o final deste ano. A estimativa anterior era de 1.060.000 motocicletas.

No varejo, a nova projeção é 1.070.000 motocicletas emplacadas neste ano, representando um aumento de 13,8% ante as 940.108 unidades licenciadas no ano passado. A estimativa anterior era de 1.020.000 unidades.

A Associação também revisou os dados referentes às exportações. O novo levantamento estima embarque de 34.000 motocicletas, significando um recuo de 40,5% ante as 57.131 unidades registradas em 2018. Em abril a expectativa era de 40.000 unidades.

 

Leia também: 5 curiosidades sobre os pneus do seu carro

 

Leia também: Manter pressão ideal dos pneus é uma atitude sustentável

 

Fonte: Primeira Página com informações da Revista Publiracing.

 

Redes Sociais