Notícias


Publicado em:
10
5/2018

Nitrogênio ou Oxigênio, qual a melhor opção para a calibragem de pneus?

Calibrar com nitrogênio tem custo. Já o calibre com ar é gratuito nos postos de gasolina



Metatags:

Acredita-se que calibrar o pneu com nitrogênio deixa o automóvel duro. No entanto, na realidade, o resultado é o mesmo que calibrar com oxigênio. Todavia, o nitrogênio traz uma série de vantagens, entre elas, não levar umidade para o interior da roda, como acontece com o ar que vem dos calibradores normais. Além disso, os pneus com nitrogênio têm mais estabilidade e evitam a variação de pressão quando sobe a temperatura ao rodar no asfalto. Com o ar comum, a pressão aumenta de acordo com o aquecimento do pneu, por isso, é recomendado a calibragem quando estiverem frios, para não haver distorção.

A desvantagem em utilizar nitrogênio está apenas no preço. Ao contrário da calibragem com ar, que é gratuita, a de nitrogênio tem um custo. Por esse motivo, a utilização do gás é indicada para veículos de competição como Fórmula 1, devido à importância em manter uma pressão constante nos pneus com a finalidade de não influenciar em seu desgaste e estabilidade.

Fonte: Contato Comunicação (Autopapo)


Últimas notícias

O consumo ético da geração “Millennials”

Como atrair o consumidor da nova geração? Especialista salienta os pontos que os empresários devem se atentar.
Leia Mais

Juros do cartão de crédito são os menores em dois anos

Melhora do cenário econômico é um dos fatores responsáveis pela queda.
Leia Mais

Bridgestone fornece equipamento original para caminhões e ônibus da Mercedes-Benz

Produtos representam o compromisso da empresa com a tecnologia e inovação para proporcionar maior desempenho e menor custo por quilômetro rodado.
Leia Mais